O Grupo DB1, hub de empresas de tecnologia sediadas em Maringá – PR, tem 555 colaboradores e crescimento estimado em 40% até o fim de 2019. A empresa cresce e, como parte de sua cultura, faz questão de ver os colaboradores crescerem junto, como profissionais e como pessoas.

Segundo o IBGE, as mulheres estão em 37% dos cargos de direção e gerência nas empresas do Brasil. Independentemente de pesquisas e desigualdades, a DB1 acredita que pode transformar qualquer experiência de vida em algo melhor para cada indivíduo.

Inserida neste cenário, Ana Maria Cimadon Garcia é a primeira mulher a ocupar um cargo de diretoria na empresa. Ela coordena o Marketing da DB1 Global Software desde 2015 quando ingressou na empresa, sendo responsável pela gestão de toda a área de marketing, suas unidades e produtos, incluindo Branding, internacionalização das marcas, lançamento de novos produtos da área de inovação, apoio ao Planejamento Estratégico de todas as áreas, implantação e gestão do novo processo de Sales Marketing, estratégia em eventos, endomarketing, Inbound Marketing e gestão da Comunicação.

“A Ana veio com uma bagagem muito boa do mercado, sua experiência com comunicação e com outros clientes de tecnologia somaram muito. Ela trouxe uma energia e formou um time de marketing muito ´fora da curva´. Bastante alinhada com a cultura DB1, vem se destacando ano após anos com entregas de muito valor. Dessa forma e por puro mérito, abraça hoje o cargo de diretora” comenta Ilson Rezende, fundador e CEO do Grupo DB1.

A presença feminina na DB1 vem aumentando em ritmo acelerado e a empresa aposta cada vez mais em ações para atrair, capacitar e empoderar as mulheres, promovendo a igualdade de oportunidades e de desenvolvimento profissional.

Reforçando essas iniciativas de empoderamento feminino, o Grupo DB1 recentemente tomou a decisão de sugerir a mudança do modelo de trabalho para esquema de home office a três novas mamães para que pudessem conciliar suas atividades profissionais à maternidade. A ação exemplifica mais uma vez os valores da empresa, que considera os colaboradores seu maior patrimônio.

Dos 555 colaboradores da empresa, aproximadamente 24% são mulheres. E um longo caminho já foi percorrido: há oito anos, o Grupo DB1 tinha uma só mulher em cargo de liderança em meio a 20 líderes, representando apenas 5%. Hoje, do total de 45 líderes, já são 13 as mulheres que ocupam esses cargos, com representatividade de 29%.

“Para mim minha nomeação à diretoria do Grupo DB1 é mais que um orgulho pessoal. É a prova do quanto a empresa aposta na valorização de pessoas e de que qualquer colaborador pode crescer junto com a empresa. Minha contratação é um exemplo disso. Lembro que estava fazendo meu período de experiência na DB1 e que foram seis meses de estágio. E quando terminou, Ilson me perguntou se eu gostaria de ficar. Porém eu estava desconfiada de estar grávida. Fiz o exame, deu positivo. E quando fui conversar com ele, antes de aceitar ou negar, disse que precisava contar para ele minha situação: “Eu acabei de receber o exame positivo que estou grávida e não seria justo esconder isso nesse momento”. Eu tinha um trabalho paralelo e deixei claro que entendia caso ele preferisse que eu voltasse após a licença maternidade. Lembro claramente das palavras dele porque entendi como o sinal que eu precisava para tomar aquela decisão: “Isso só é um problema se for para você. Para a DB1 não muda nada!”. Lembro que chorei de alegria e de orgulho por estar ingressando em uma empresa que acolhe e se importa tanto com as pessoas. Sou eternamente grata!”, conta com orgulho Ana Maria, a nova diretora de marketing do Grupo DB1.

PUBLICIDADE
COMPARTILHAR