McDonald’s sedia workshop internacional sobre intensificação sustentável de florestas

A parceria ressalta o compromisso do McDonald's em iniciativas sustentáveis como Scale For Good, Projeto Canudos e Hora do Planeta.

48

A McDonald’s University, localizada em Alphaville, foi palco do encontro mundial sobre florestas plantadas entre os dias 3 e 5 de dezembro. O encontro foi realizado pelo Forest Stewardship Council® com o tema Intensificação Sustentável, técnica que concilia práticas conservacionistas, valor compartilhado e uso de tecnologias para produzir mais fibras com menos recursos naturais.

O workshop englobou palestras e discussões, além de visita a campo no interior de São Paulo. “Um evento desse porte é fundamental para compreender as necessidades de todos os envolvidos e encontrar uma solução que seja economicamente viável, ambientalmente sustentável e socialmente justa”, diz Aline Tristão, diretora executiva do FSC Brasil.

Para a Ibá, Indústria Brasileira de Árvores, que apoia o FSC na realização do evento, a intensificação da produção florestal é eminente devido ao contexto global e as previsões de aumento de população e consumo. No entanto, a entidade considera importante que esse processo ocorra em um diálogo aberto, transparente e por meio de trabalho conjunto e com engajamento multistakeholders.

Já para Leonardo Lima, Diretor de Desenvolvimento Sustentável da Arcos Dorados, sediar um evento como este é o reconhecimento de um esforço contínuo da rede para operar em prol da sustentabilidade, transparência e qualidade dos produtos oferecidos aos clientes.

“Estamos lisonjeados em receber entidades que são referência em práticas a favor do meio ambiente na McDonald’s University, especialmente para falar de um tema em total sinergia com o que a nossa marca vem conquistando nos últimos anos. Desde 2014 já temos o selo da Forest Stewardship Council® (FSC) em todas as caixinhas de papel utilizadas para embalar os sanduíches no Brasil, garantindo que toda a cadeia de produção das embalagens é sustentável do ponto de vista econômico, social e ambiental”.

McDonald’s e o meio ambiente

Além dessa certificação, o McDonald’s possui muitos outros compromissos com iniciativas sustentáveis, como ser a primeira rede de restaurantes do mundo a assinar um acordo global de combate às mudanças climáticas. A companhia se comprometeu, em março desse ano, a diminuir em 36% as emissões de gases de efeito estufa até 2030, além de 20% em toda sua cadeia de suprimentos dentro do mesmo período.

A ação faz parte da Scale for Good, que usa toda a força, tamanho e alcance da marca para impulsionar o progresso onde é mais relevante. A ‘escala para o bem’ tem como premissa dar ao McDonald’s a responsabilidade e oportunidade de agir em alguns dos desafios sociais e ambientais mais urgentes da atualidade.

Outro ponto a ressaltar é que sendo um dos maiores compradores de carne globalmente, a rede possui a responsabilidade em ajudar a guiar as indústrias para melhores práticas, uma vez tendo como premissa limitar seu impacto no planeta, falando da produção de alimentos. Nisso, o McDonald’s é a primeira rede de serviço rápido a comprar carne ‘sustentável’, proveniente de regiões onde a pecuária é mais produtiva e requer menos espaço, desestimulando qualquer necessidade de desmatamento.

Além disso, a empresa tornou possível a implementação de iluminação LED nos restaurantes, que desde 2016 ajuda a reduzir 60% do consumo de energia em todas as unidades da marca no Brasil. Também criou o Projeto de Otimização do Uso de Água, que consegue economizar cerca de 700 litros de água por dia em cada unidade e faz utilização de painéis solares, reduzindo o uso do ar-condicionado.

Essa preocupação da marca também engloba seus produtos, uma vez que o café dos restaurantes possui a certificação Rainforest Alliance, que garante uma produção baseada em boas práticas ambientais e sociais, além da garantia que o peixe utilizado no McFish é rastreado desde a sua pesca, seguindo todas as normas globais do MSC, Marine Stewardship Council.

Outras iniciativas como apoiar a redução do uso de plástico, por meio da retirada da canudeira dos salões, participar da Hora do Planeta, que busca a conscientização de todos para o uso sustentável dos recursos naturais e a separação de recicláveis e resíduos gerais em todos os restaurantes do Brasil, faz do McDonald’s uma empresa consciente de seu papel na sociedade. Seu fundador, Ray Kroc, defendeu em 1955 que, “Temos a obrigação de retribuir às comunidades onde operamos”, filosofia que é seguida globalmente pela empresa até hoje.

Saiba mais sobre a parceria entre o Mc Donald’s e a FSC:

PUBLICIDADE
COMPARTILHAR