A Dafiti, maior e-commerce de moda e lifestyle da América Latina, está em reflexão no mês de março: inspirado pelo Dia Internacional da Mulher, celebrado no dia 8 de março, e em linha com seu propósito de Revolucionar o Ecossistema da Moda com Inteligência, a empresa promoveu ao longo das últimas semanas a macrocampanha #amigarevolucionaria.

“O objetivo é aprender e se inspirar. Ao longo do mês paramos para entender qual nosso papel diante desse tema e como fomentar a equidade de gênero tanto na empresa quanto em nosso ecossistema, nossos parceiros, fornecedores, clientes. É apenas o início de um debate, que contribuirá para futuras mudanças”, contextualiza Philipp Povel, CEO do Dafiti Group.

O kick-off da campanha aconteceu via canal interno utilizado pelos funcionários da companhia em todas as suas operações LatAm. Ali, o objetivo era reconhecer e valorizar as revoluções diárias das mulheres que compõem hoje o quadro de funcionários da organização, por meio de posts que às exaltassem. Até o momento, já são mais de 100 usos da hashtag em conteúdos que incitam o reconhecimento por parte de seus pares, times e líderes.

Posteriormente, a ação se estendeu para as redes sociais da Dafiti, a fim de ativar e fomentar a causa também para sua base de clientes e parceiros. No Instagram, a ideia era que os seguidores repostassem um template via Stories para indicar quem são as suas três amigas revolucionárias e dessem ainda mais continuidade à essa corrente de sororidade.

Ainda no mesmo canal, nove influencers parceiras do e-commerce também contribuíram e se engajaram na campanha – Jana Taffarel, Bianca Camargo, Thays Lessa, Joyce Kitamura, Taciele Alcolea, Vihh Rocha, Marieli Malmann, Coll Marina e Jessica Flores. Elas foram presenteadas com o livro “Extraordinárias: Mulheres que revolucionaram o Brasil” e também indicaram, para seus seguidores, quem eram as suas amigas revolucionárias, a fim de dar ainda mais vazão ao projeto.

No Linkedin, o foco era apresentar a campanha e incentivar que outras empresas também embarcassem nessa linha de reconhecimento em seus times. Por lá estreitamos a conversa com grandes parceiros da Dafiti – como a ABVTEX e a Clearsale.

A campanha culminou em um DFTalks, evento promovido na sede do e-commerce em São Paulo e contou com a mediação de Cris Bartis, do Mamilos Podcast e com a presença de Beatriz Diniz, fundadora da ONG Cruzando Histórias; Jane Bieringuer, Gerente de Comunicação da Pantys e Leila Luz, Head Global de Diversidade e Inclusão na BRF. Além delas, Mariana Deperon, Sócia-fundadora na Tree, Inovação Diversidade e Inclusão, contribuiu com uma participação especial direto da sede da ONU Mulheres, em NYC.

As convidadas, representantes de mulheres revolucionárias, foram escolhidas para exemplificar alguns perfis e diferentes vivências, além da representatividade feminina em diferentes setores do mercado de trabalho. Elas trouxeram à tona suas trajetórias profissionais e, sobretudo, quais foram as mulheres que as inspiraram e contribuíram para que chegassem ao patamar que estão hoje.

Ao longo do debate, o ponto comum entre todas elas se mostrou ser a coragem de enfrentar medos, aparentes limitações e ir em frente. “Escute seu instinto, a sensação não-verbal. Se estamos falando em revolucionar, precisamos nos questionar. Quando alguém te disser que o jogo está ganho, mude as regras e vença!”, salientou Cris Bartis.

Ao final do evento, os convidados e plateia receberam um biscoito da sorte especial – ao abrí-los eles se deparavam com frases conceituadas ditas por mulheres que revolucionaram a história. Para conhecer mais de cada uma delas (como Audrey Hepburn, Maria da Penha, Michelle Obama, Madonna, Marie Curie, etc), um hotsite foi desenvolvido com o perfil completo dessas mulheres.

A campanha #amigarevolucionaria foi desenvolvida internamente, unindo os times de Comunicação Interna, PR e Branding, times constituídos majoritariamente por mulheres. Contribua com posts, compartilhe com amigos e dê continuidade à corrente de sororidade!

Conheça a campanha:

PUBLICIDADE
COMPARTILHAR