Colaboradores e parceiros da Edenred Brasil debatem o marketing do futuro

A segunda edição do Comitê de Inovação da empresa trouxe convidados especiais para falar como o marketing e a tecnologia podem ajudar beneficiar e aprofundar o relacionamento com os diversos públicos

34

A Edenred Brasil, líder mundial em soluções transacionais para empresas, comerciantes e empregados e que integra as marcas Ticket, Ticket Log, Repom e Edenred Soluções Pré-Pagas no País, realizou na última quinta-feira (4), na sua sede em São Paulo, o segundo Comitê de Inovação do ano, sobre Marketing do Futuro. No encontro, convidados especiais apresentaram as ações que estão sendo desenvolvidas pelo mercado aos colaboradores, aliando tecnologia, inovação e marketing. Os cases apresentados foram escolhidos para fomentar a cultura de inovação organizacional dentro da empresa aplicado às evoluções do marketing no mercado e nos setores nos quais a empresa atua.

O Comitê de Inovação reúne os colaboradores bimestralmente para promover a oxigenação, a colaboração e o compa rtilhamento de informações. Esses encontros buscam apresentar tendências de mercado sobre temas que impactam os negócios, promovendo uma melhor interação com os nossos clientes.

“Foi um evento extremamente enriquecedor. Tivemos a oportunidade de ver as inovações em marketing no mercado e olhar para o futuro. A Edenred é uma empresa que tem em seu DNA a inovação e esta foi mais uma oportunidade de fomentá-la entre nossos colaboradores. Entendemos que é importante estimular o profissional a aplicar novas tecnologias e entender como será o futuro das relações com nossos públicos por meio do marketing”, explica Gilles Coccoli, Chief Operating Officer (COO) Americas, incluindo a Edenred Brasil.

Para o sócio-diretor do Estúdio Nômade, Daniel Caminha, que falou sobre o marketing de causa, as marcas precisam se posicionar sobre o que está acontecendo agora, se preocupar com o entorno onde elas atuam e dialogar com a sociedade. O executivo ainda ressaltou que o público que r um diálogo aberto e por isso os responsáveis pelas áreas de marketing devem buscar novos modelos para se comunicar com os públicos. Já o CEO da FlagCX, Roberto Martini, a comunicação com o cliente precisa de uma adaptação constante. De acordo com Martini, com o uso da tecnologia dentro das ações de marketing, a comunicação fica mais horizontal e a conectividade também gera impacto na interatividade.

Outra técnica que vem sendo abordada nas relações de comunicação com o consumidor é a conexão com o entretenimento. Luiz Paulo Lima e Sylvia Arone, fundadores da Hud Entretenimento, abordaram a transmídia, uma técnica que cria primeiro uma história para depois atingir a audiência em inúmeras plataformas. Anselmo Martini, vencedor do Aprendiz 3 e fundador da Monarca, que tem forte atuação nos Estados Unidos, também falou sobre o marketing de entretenimento. O chama do cross branding aumenta a percepção da marca por parte do público, utilizando seriados de TV para a apresentação de produtos.

“O marketing do futuro já está transformando as relações com os nossos públicos através da transparência, seletividade e tecnologia. Os cases e as experiências compartilhadas nos fazem refletir o futuro da comunicação e nos preparar para as novas formas de relacionamento”, completa Coccoli.

No primeiro Comitê de Inovação do ano, realizado em janeiro, o tema foi Inteligência Artificial. Mais de 120 colaboradores puderam ter contato com cases de empresas parceiras que utilizam a inteligência artificial em suas soluções. Até o fim do ano, a previsão é de que mais quatro encontros sejam realizados.

PUBLICIDADE
COMPARTILHAR